quinta-feira, 14 de julho de 2011

Problemas de estacionamento em Miraflores C.M.Oeiras vs desobediência publica





Como é do conhecimento de todos, os problemas de transito e estacionamento em Miraflores são hoje um problema grave e sem melhoras á vista, o Município de Oeiras tem vindo a agudizar o problema permitindo uma construção desmedida para uma Área que será talvez uma das mais bem projectadas no Concelho de Oeiras em questões de transito/estacionamento.
No projecto inicial de Miraflores Lux estavam previstas varias entradas e saídas que ficaram nas gavetas dos departamentos de planeamento da Edilidade, no local onde esta hoje o empreendimento Arquipark estavam previstas entradas e saídas para a A5 Lisboa/Cascais, os Miraflorenses de gema bem se lembram de nessa área existir desde a construção das primeiras estradas de alcatrão uma estrada com duas vias para cada lado que acabava a poucos metros da Autoestrada, teria sido negociado na altura do projecto com o governo que o empreendimento faria os acessos até á autoestrada e o governo faria as ligações e viadutos, para a A5 e para a CRIL , assim sendo, Miraflores carece hoje em dia de duas importantíssimas vias de escoamento de transito que estavam projectadas e aprovadas e foram apagadas do mapa pelos interesses imobiliários que se instalaram na região desde a tomada de posse de Isaltino de Morais na C.M.Oeiras.
A questão do acesso á CRIL é ainda mais caricato, na Rotunda do Mercado de Algés junto ao viaduto da CRIL podem ver que a saída esta feita até 50 metros da Rotunda, inexplicavelmente esses 50 que são do domínio privado não são considerados de interesse publico e portanto não são expropriados para que se acabe o acesso e assim a situação nunca irá ter solução um vez que o proprietario exige um montante astronomico por um terreno onde nunca irá conseguir construir nada. Esta questão não esta evidentemente isenta de os ditos terrenos pertencerem a uma personagem que domina bem os bastidores da justiça, tendo um diferendo com o estado por causa da antiga praça de touros de Algés a cerca de 20 anos, não se compreende de facto quando para acabar o troço Casa Pia/Pontinha se expropriaram dezenas de habitações no bairro de Santa Cruz e estes 50 metros em Algés que tanta falta fazem á circulação permanecem intocáveis.
Entretanto a circulação em Miraflores aumenta dia á dia e a previsão de mais 800 fogos de habitação junto ao Parque urbano de Miraflores e a edificação de uma das maiores torres de escritorios do país para breve faz aumentar em muito as preocupações dos moradores quanto ao futuro. Entretanto a guerra por um lugar de estacionamento é um dia a dia de qualquer morador, foram montados pilaretes de todos os tipos e modelos por toda a parte, e entretanto chamaram as tropas de elite do estacionamento da Parques Tejo para policiar a area que rodeia a casa do Sr Isaltino, eu sou residente na Avenida das Tulipas e posso dizer que a atitude dos fiscais é de todo abusiva e super pressionante, já nem falo no aspecto de delinquentes dos fiscais que mais parecem um gang de malfeitores que uns controladores de estacionamento mas sim no facto de que tudo o que é viaturas de departamentos do estado estacionam dias a fio sem pagar um tostão (conforme varias vezes já reportamos anteriormente neste blog). A situação como vêm não tem sinais de melhoras e entretanto os moradores fazem como podem para estacionar as suas viaturas, passeios, passadeiras de peões são considerados em Miraflores não só pelos moradores mas também pela Policia locais de estacionamento, basta se dar uma volta ao quarteirão para se reportar dezenas de infracções, ora a situação de desobidiência publica e o deixa andar das autoridades faz com que de repente nos deparemos com situações como esta que reportamos a seguir... uma paragem da Carris totalmente cercada por carros, quem quiser ir para a paragem, deficientes crianças etc tem mesmo é de andar na rua que por aqui os passeios são é dos carros mesmo.
é triste ver uma localidade que tudo tem para ser quase perfeita começar a descambar em situações deste tipo, fazem se os projectos, ganha-se os dinheiros e as pessoas? QUE SE LIXEM !! A s politicas do nosso vizinho Isaltino mostram de facto a sua cara nesta questão.

aqui deixamos um reduzido registo fotografico




esta viatura esteve cerca de 24 horas em frente á PSP Miraflores, um espelho da realidade





como podem ver estas viaturas de entidades oficias estacionam dias a fio nos espaços de parquímetro sem ser penalizados por isso, e questiono me, estas viaturas oficias não são necessárias aos serviços que pertencem? é de facto estranho viaturas oficias paradas tantos dias em espaços que só permitem 64 horas de estacionamento





Sem comentários:

Enviar um comentário