quarta-feira, 2 de maio de 2012

Volvo Ocean Race prestes a chegar á DocaPesca de Algés



Perante os presidentes das câmaras municipais de Lisboa e Oeiras, o Secretário de Estado do Mar e o Secretário do Desporto e da Juventude, foi apresentado os preparativos para a escala da regata à volta ao mundo em Lisboa, entre 31 de Maio e 10 de Junho, um projeto organizado pela empresa João Lagos Sports, com apoio das autarquias de Lisboa e Oeiras, do Turismo de Portugal e da Associação de Turismo de Lisboa. Pela primeira vez nos 38 anos de história, o maior evento oceânico - e um dos cinco maiores certames desportivos do mundo - tocará a costa portuguesa, na doca de Pedrouços, histórico local de onde zarparam as naus dos descobrimentos portugueses - trazendo a frota de seis veleiros 'high tech' tripulados por velejadores de elite que estão agora a completar a 5ª etapa da circum-navegação rumo ao Brasil.

A última etapa transatlântica com 3.590 milhas, 7ª etapa da circum-navegação que se iniciou a 5 de Novembro passado em Alicante, Espanha, começará em Miami, Flórida, EUA, a 20 de Maio, e a frota deverá chegar a Lisboa dia 31 de Maio. A doca de Pedrouços irá abrigar os seis veleiros e respectivas tripulações durante 10 dias, num espaço exclusivamente montado para o efeito - o Race Village - com uma série de atrações para o público, entre concertos musicais e atividades náuticas, incluindo regatas para jovens velejdaores, regatas entre Cascais-Algés-Cascais para tripulações de vela ligeira (classes Laser, SB3, Dragão entre outras), sessão de apresentação e 'match racing' em vela adaptada e batismos de vela entre os dias 31 de Maio e 5 de Junho.



Volvo Ocean Race . Lisboa Stopover 2012


A programação é vasta, com desfile dos veleiros da Volvo Ocean Race no dia 7 de Junho, feriado municipal em Oeiras, e a entrega de prémios no Pátio da Galé e Sala do Risco, espaços disponibilizados pela Associação de Turismo de Lisboa. No dia 8 de Junho, dia Mundial dos Oceanos, realiza-se a regata PRO-AM, com convidados a bordo dos veleiros da frota, e a presença da Secretaria de Estado do Mar irá assinalar a promoção do desígnio nacional que é o novo mar português, agora que a ONU aprecia o projeto de extensão da plataforma continental sob jurisdição nacional e que aumentará o território de Portugal em mais de 2.000.000 quilómetros quadrados de espaço marítimo.

o placard junto á marginal esta a necessitar de acerto


A partir do dia 6 de Junho começarão os treinos para a frota que, no dia 9 de Junho, realiza a regata costeira. A 10 de Junho, dia de Portugal, será dado o sinal de largada da 8ª etapa da circum-navegação, rumo a Lorient, França. O promotor do evento, João Lagos Sports delineou os percursos de forma a que a frota navegue no rio Tejo até o Terreiro do Paço, colocando Lisboa como plano de fundo durante as duas transmissões diretas de televisão, pela RTP e Sports TV, que serão distribuídas a nível mundial nos dias 9 de Junho, entre as 12.30 e 14:00 h. e no dia 10 de junho entre as 13:00 e 14:00 h. O evento já regista 1,6 bilhões de leitores em 13.000 artigos na imprensa internacional, 1,3 bilhões de audiência televisiva e 90 milhões de visitas ao website www.volvooceanrace.com.

"Como este ano o dia de Portugal será celebrado em Lisboa, estamos a trabalhar em conjunto com a Câmara Municipal de Lisboa e a Presidência da República para que a Volvo Ocean Race seja integrada no programa de comemorações.", disse João Lagos, promotor e organizador local do evento.

Entrento, no Race Village, onde estarão as bases de trabalho das equipas, os barcos e os stands das equipas CAMPER, PUMA e Groupama e da própria Volvo, o público poderá saber mais sobre esta regata à volta do mundo, através de experiências interactivas - cinema 3-D e um simulador em que se pode experimentar a adrenalina de velejar sobre ondas de 10 metros. Outro simulador estará também no Race Village - o Champimóvel, disponibilizado pela Fundação Champalimaud, que descortina uma viagem ao interior do corpo humano. Na própria Fundação Champalimaud estarão instalados os escritórios da regata e o gabinete de imprensa, para os mais de 600 jornalistas internacionais.
fonte Expresso

Informação sobre classificações no site do evento http://www.volvooceanrace.com/en/home.html
podem também  ver a corrida em live streaming clicando AQUI para verem em que ponto esta a corrida em tempo real.

A Gazeta foi visitar o local uma vez que faltam apenas cerca de um mês para o evento e de facto o cenário é de mudança radical, a área foi já totalmente limpa de entulhos, terraplanada e alcatroada, tendo sido criado um novo portão de acesso ao local (fotografias abaixo). Agora de facto muito falta fazer e penso que nas próximas semanas o local estará numa actividade enorme, será necessário construir as bases de trabalho das equipas, dos barcos e os stands das equipas CAMPER, PUMA e Groupama e da própria Volvo, o cinema 3-D mais toda a infraestrutura em sanitários vedações restauração etc. A Gazeta de Miraflores ira estar atenta e irá publicar actualizações a este assunto.
O meu agradecimento ao Nuno Picardo pela sua preciosa colaboração na reportagem fotográfica


estado das obras na praia de Algés
video

video

video








os trabalhos de pavimentação já começaram

foi aberto um portão especificamente para o evento


2 comentários:

  1. Pena que não esteja já tudo pronto e que o tempo que falta seja apenas e só para antever o que poderia correr mal.
    Como sempre é tudo feito à pressa...

    ResponderEliminar
  2. é pena que isto seja um desporto de ricos e que se vai pagar um pequena fortuna para entrar .... e quem pagou as obras foi o contribuinte.

    ResponderEliminar